terça-feira, 12 de agosto de 2014

Deseja eliminar este ficheiro?

Eu posso dizer que o meu cérebro tem um funcionamento muito semelhante a um computador. Existem novecentas e noventa e cinco pastas de variados temas, assuntos e diferentes conteúdos no meu cérebro. Algumas delas estão simplesmente vazias, já outras cheias de músicas, fotografias, frases, vídeos e coisas assim. Umas no sítio certo, já outras perdidas na imensa confusão. Até um histórico e os favoritos tem. Por isso definitivamente o meu cérebro é muito idêntico a um computador. A diferença mais notável, e talvez a mais desejada pelo humano, é a reciclagem. Quantas e quantas vezes desejaram poder eliminar o que vos atormenta os dias, as noites com apenas um clique? É sem dúvida preciso uma reciclagem em nós.
(Fotografia de Cléon Adónis Santos)

26 comentários:

  1. Definitivamente, era uma das funcionalidades que gostaria que o meu cérebro tivesse. Seria tão mais fácil.

    ResponderEliminar
  2. Eu acredito que tudo o que acontece de bom ou de mau tem um propósito, se não temos reciclagem é por alguma razão e uma razão para o nosso bem, mas sem dúvida que ás vezes era bem bom ter, dava menos dores de cabeça e mais descanso.

    R: Eu gosto de ter a idade que tenho, até tenho é medo de envelhecer, ou melhor tenho medo de chegar aos 18. Mas ás vezes aqui, sei lá, sinto-me pequena, muito novinha como se não tivesse características suficientes para argumentar da vida como todos vocês que são mais velhos e tem mais experiência de vida.
    Que giro, nesse curso tem de se saber muitas línguas estrangeiras?
    Ai então és tu o vidente? hum, muito suspeito, foi uma questão de sorte teres acertado, ou então eu é que sou super vulgar, porque morenas de olhos castanhos é o que não falta, só o 1,60 é que pode já ser diferente xD
    "Melhor ainda, pode ser que tenhas uma visita, e depois certas blogs aparecem no meu blog"- O quê? Agora fiquei completamente confusa! :o
    Hahah não passas não, não deixo!

    ResponderEliminar
  3. concordo plenamente, adorava ter um reciclagem em mim ..

    ResponderEliminar
  4. Era tão bom se o nosso coração tivesse um botão a dizer "delete"...

    ResponderEliminar
  5. quem me dera apagar cenas da minha cabeça!
    r: tao rico que teve direito a escaldao xD

    ResponderEliminar
  6. Os momentos maus são necessários, é com eles que aprendemos, sobre nós e sobre o mundo. Se o meu cérebro fosse um computador não os ia eliminar, só ocultar para que de certa forma os esquecesse, mantendo-os ao meu alcance quando fosse necessária uma "dose de realidade". De certa forma já faço isso.

    ResponderEliminar
  7. A diferença é que um computador nunca sofrerá de amor, nunca sentirá saudade nem nunca chorará pela perda de alguém. Como nós nunca conseguiremos eliminar o histórico das nossas vidas, nem nunca conseguiremos escrever o que irá acontecer a seguir numa folha branca... Bem, somos dois mundos, ligados e desligados! Adoro quando fazes estas comparações, pões-me a pensar durante horas até que consiga responder alguma coisa de jeito, e depois saí isto, nada de jeito ahahaha
    Beijo ! :p

    ResponderEliminar
  8. Acho que todos nós queríamos ter um botão delete, mas também de que serviria isso, assim perdíamos a experiência que vivemos naquele momento ou situação, de todos os acumulares tiramos sempre algo de positivo ou aprendemos algo.

    ResponderEliminar
  9. Olá Pedro!!!!
    Passei por aqui para te dizer que foste um dos meus nomeados para o Liebster Award, gostava muito que respondesses às minhas questões!
    Um beijo grande.

    inf: http://lilizisses-lc.blogspot.pt/2014/08/liebster-award.html

    ResponderEliminar
  10. R: Não temos outra opção.

    Boa semana :)

    ResponderEliminar
  11. R: Porque aos 18 começa-se a vida realmente a sério, é carta de condução , é a ida para a universidade é já ter o rótulo de adulto, é toda a responsabilidade envolvida e depois diz-se que a partir dos 18 a vida "anda mais depressa". Tecnicamente tenho medo de não ser uma "boa" adulta, ainda por mais sou filha única , logo sou herdeira direta dos meus pais, não tenho a quem dividir as coisas, é assustador.
    Nisso também concordo contigo. xD
    Hum...eu detesto francês, eu estava mesmo a ver que ias dizer que tinha de ser o francês, porque não espanhol é muito mais facil. sabes falar francês? acho que é uma língua muito chique e um bocado arrogante pela forma como dizem as palavras.
    Não e não, nem com charme nem com nada, não deixam nada! Vou comprar um cão daqueles enormes e meto-os á porta de casa...não , não dá ainda provocava um ataque de coração á minha mãe. Mas arranjaria sempre solução. xD

    ResponderEliminar
  12. Sim , viste bem , tens dois post´s da Diana. xD
    Eu não sei até que ponto és destas coisas, mas nomeei-te para o Liebster Award e se quiseres participar, estás á vontade. Aqui está: http://nasasasdodesejo-blog.blogspot.pt/2014/08/liebster-award.html

    ResponderEliminar
  13. Sem dúvida que precisamos todos, o nosso cérebro devia de ter destas funcionalidades

    ResponderEliminar
  14. Concordo contigo. Eu muitas vezes gostava de conseguir eliminar certas coisas da minha memória.

    ResponderEliminar
  15. Excelente comparação!! :) Não conhecia o teu blog vou ler :)

    ResponderEliminar
  16. eu adorava ter essa reciclagem.. Acho que o meu cérebro deve estar com vírus
    R: Tão simpático.. Só a pensar no meu bem estar :P
    beijinho

    ResponderEliminar
  17. Já viste o que comentas-te te a ver com simplicidade e a resposta ao meu comentário também :p para que é que complicamos as coisas?! hem?! :))

    ResponderEliminar
  18. r: Obrigada!
    Ah, quem me dera apagar.

    ResponderEliminar
  19. R: Se construírem, entretanto, uma estrada para lá eu vou com muitíssimo gosto, até agradeço porque lá os carros não se devem aleijar porque as nuvens devem ser fofas e há menos acidentes ou pelo menos há menos estragos.
    Ai não acredito, tens a mesma opinião sobre o francês? ahaha xD
    Pronto vou fazer como no Up Altamente e meto balões na casa para ela voar para outro sitio , assim quando vieres eu meto os balões no ar e já não apanhas a casa xD
    Ahhh então o menino gostava de conhecer Coimbra, ai que maravilha, eu sabia a cidade é demasiado linda para resistirem! Quando quiseres conhecer a cidade o melhor é ir em Agosto, há menos trânsito porque muitas das pessoas que lá trabalham tiram ferias nesse mês mas há mais turistas. Em falar nisso tu tens uma espécie de sósia em Coimbra, até me assustei quando vi um rapaz que me pareceu mesmo tu, só que a tatuagem que ele tem no braço é de uma chave e não tem a frase que tens e tem diferenças, só que á primeira vista pareces mesmo tu. xD

    ResponderEliminar
  20. Oh god, realmente, a falta que me fazia uma reciclagem! :o

    R: Não é lá muito agradável, não... Ainda se fosse um gajo bom e tal, mas agora um puto? Que raio de sorte... xD

    ResponderEliminar
  21. R: É algo que gosto, mas nem sempre a inspiração está a favor tal como o tempo e não poderei garantir uma continuidade regular daí estar de pé atrás porque não gosto de deixar nada a meio xD

    ResponderEliminar
  22. De todas as semelhanças que poderia ter com um computador, essa era, a única que realmente gostava de possuir. Já agora, estou viciada na música do blog!

    ResponderEliminar

Deixa a tua opinião, é sempre bem-vinda.