quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Um pôr do sol a ir, um momento a surgir

Abrem os olhos após uns breves segundos. Saem do mergulho de recordações que a mente os tinha pregado, e voltam a realidade. Ela sobe um bocado e deita a sua cabeça no peito dele, e olham para o pôr do sol que está diante deles. Observam como o sol desaparece lentamente, sendo que para ele é como se fosse o seu coração a perder a sua força. O seu delicado ritmo de batimento parece estar a falhar e a ser forçado ao passar de cada segundo. Em redor ouve-se o vento e o levo som das folhas a abanar, e das asas dos pássaros que os sobrevoam.
Entretanto enquanto ele atirava uma pedra ao ar e apanhava, notava no simples curto espaço de tempo que havia de quando atirava e tinha de voltar a apanhar. Ao sentir aquele toque na pele e da leve frescura da pedra, parecia conseguir apanhar o seu pensamento de novo. Recordou-se de momentos importantes, mas em simples pequenos resumos de imagens.
Ela olha para os seus olhos e sente que no meio daquele olhar o fim está próximo. Estende a sua mão, pega na dele e encosta a sua barriga. Um enorme brilho se faz ver nos seus olhos, e olha para ela com uma intensidade que jamais lhe tinha olhado. Solta-se um sorriso ao cair de uma lágrima e dá-lhe um beijo como se fosse o último. A cabeça vai lentamente para trás para se encostar, os olhos começam a fechar-se suavemente ao som de um amo-te baixo, mas que tinha sido ouvido alto no coração dela. A pedra que atirava caí no chão, parece que tudo parou naquele momento e suspira pelo seu nome, mas nada. Um enorme aperto se faz no peito como se fossem dois braços agarrados, e os seus olhos pesados não aguentam e deixam cair as lágrimas pelo seu rosto abaixo.
De repente, de não muito distante ouve-se um ramo a partir. e eram os seus amigos que lá apareceram. Chegam ao pé dela, e sentam-se a volta da enorme árvore ao som do vento. No meio daquele silêncio profundo entre todos nenhuma palavra ou gesto foi preciso ser dito ou feito, pois os olhares transportavam tudo isso. Já ela, beija-o por uma última vez.

Ver Parte I | Parte II

Espero que todos vós tenham tido um ótimo natal.

45 comentários:

  1. Pedro, está tão maravilhoso. É daqueles textos que não se quer que acabe, de tão contagiante que está.

    ResponderEliminar
  2. abraços e beijos que na verdade falam por si...

    ResponderEliminar
  3. Ohh, é uma história tão linda, adorei, tu escreves lindamente! :)
    p.s claro que tive um ótimo natal, principalmente com um chato lindo a mandar-me mensagens xD

    ResponderEliminar
  4. Até fiquei de lágrimas nos olhos. Há momentos em que as palavras não são mesmo precisas. É fascinante como um simples gesto ou um simples olhar revelam tanta coisa.

    r: Concordo :) muito obrigado! Espero que tenhas tido um ótimo natal

    ResponderEliminar
  5. adoro adoro adoro :D
    r: correu dentro do normal dos ultimos anos!

    ResponderEliminar
  6. Está lindo, Pedro.
    R: Obrigada e espero que tenhas passado um bom natal. Força :)

    ResponderEliminar
  7. Já te enviei mail :) Quando tiveres disponibilidade, agradeço a tua resposta :) Obrigada desde já :)

    ResponderEliminar
  8. P.s - em anexo vão algumas imagens para entenderes melhor certas características. Enviei o mail sem fazer uma pequena introdução

    ResponderEliminar
  9. R: Tentar, vou tentar, conseguir logo se vê!
    Claro que achei, sempre achei maravilhoso as coisas que escreves :)
    P.s Pois sei meu tontinho :p

    ResponderEliminar
  10. Adorei! :)

    R: Obrigada e espero que o teu tenha corrido igualmente bem!

    ResponderEliminar
  11. r: Obrigada Pedro :3 O meu Natal foi muito bom :) Espero que o teu também o tenha sido :)

    xoxo* - mafs': http://alittleguess7.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Espero que o Natal tenha corrido bem!

    Bjxxx

    ResponderEliminar
  13. Muito bonito, muito bonito mesmo! Espero que tenhas tido também um óptimo Natal!

    ResponderEliminar
  14. finalmente a parte II! não me custa nada ler e reler as duas partes, adorei mesmo :)

    e espero que passe mesmo, muito obrigada!

    ResponderEliminar
  15. R: Vamos lá ver se te dou razão novamente :p Eu também gosto de saber a tua meu amor <3

    ResponderEliminar
  16. Estou a aguardar mais textos maravilhosos como este :)

    ResponderEliminar
  17. Que boniteza. Muita leveza na tua escrita. Dá vontade de não parar de ler!
    Beijoo'o

    ResponderEliminar
  18. Ohhh porquê é que acabou? Quero ler mais :) Adorei a história!!
    Espero que tenhas tido um feliz Natal ;)

    ResponderEliminar
  19. r: Ainda bem, porque vou ficar à espera :)
    Tive sim, obrigada. E o teu, como foi?

    ResponderEliminar
  20. Olá, estou a tentar divulgar o meu blog. Não sei se esta é a maneira mais correta, visto que parece mais uma corrente, mas pronto. Espero que gostes e pelo menos o visites.
    http://half-dead-half-loved.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  21. Concordo, é sempre possível conseguirmos mais de nós próprios. É preciso querer e lutar. :)
    Não digas isso Pedro. Escrevemos ambos bem :) De maneiras diferentes, com inspirações diferentes, com mensagens diferentes... mas que de uma forma ou de outra conquistamos quem nos lê! :)
    beijnho

    ResponderEliminar
  22. Adoro a forma como escreves, adoro, adoro, adoro!

    ResponderEliminar
  23. R: Claro que sei, oh tontinho, eu também lutarei e não vou desistir nem que te dê com a almofada muitas vezes :p Amo-te!
    Claro que és, és a melhor coisa para 2015, mas simplesmente sei que tirando isso nada vai mudar! Eu sei que estarás como estarei para ti :)

    ResponderEliminar
  24. r: Oh não tens nada que agradecer, é a verdade.

    ResponderEliminar
  25. r: quando poderes vê :) é um filme mesmo fixe!

    ResponderEliminar
  26. Mais um texto fabuloso,é um prazer ler as tuas palavras. Simplesmente fantástico, para quando um livro?

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  27. Olá , não conhecia o teu blog , mas já vi que escreves muito bem! ^^

    ResponderEliminar
  28. Oh tão triste! Gostei muito do texto, parabéns! Ah e parabéns pelo recente namoro ahahha

    ResponderEliminar
  29. R: Obrigada! Espero que também tenhas tido um bom natal e que tudo te corra bem em 2015!!!

    ResponderEliminar
  30. Escreves tão bem! Está lindo :)
    Mudei de link: http://blog-whenthepinkworldbecomesblack.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  31. As vivências do passado serviram para nos ensinar, as do novo ano que vem, servirão para nos encorajar. Que 2015 seja um ano de concretizações, saúde, amor e muita felicidade. Beijinhos

    ResponderEliminar

Deixa a tua opinião, é sempre bem-vinda.